ESPELHO NEGRO, DE ADRIANO KERVER / BLOG CONDUTA LITERÁRIA

Blog Conduta Literária - Fê Akemi |

A resenha de hoje é sobre o livro Espelho Negro: A Razão, de Adriano Kerver, livro cedido em parceria com a Editora Scortecci.

Em Espelho Negro a história se passa em Pedra Negra, uma cidade do interior de Minas Gerais e logo no início temos um assassinato um tanto misterioso que ocorre durante uma festa na casa de Kelly Mendonça.

A morte do jovem Eduardo causa bastante indignação na cidade e a policia não está convencida que tenha sido por uma overdose.

Guilherme, Clara, Júlia, Jonathan, Bia e Erick são amigos inseparáveis e estavam na festa no momento do assassinato. O que intriga é que eles estão assustados, a presença de alguém nesta festa os deixou muito perturbados e é alguém que sabe algo sobre o passado da turma de amigos.

Raniere, um empresário bem-sucedido, é um homem bastante misterioso e ele também mantém um segredo que guarda por anos e seu desejo é somente de vingança.

Para completar temos Willian, jovem que foi abandonado ainda bebê e sempre viveu a sombra desse passado. É extremamente inteligente, só que usa todo seu potencial para o mal.

Após ao assassinato de Eduardo uma série de acontecimentos e fatalidades começam a ocorrer em Pedra Negra. Os amigos não terão mais paz e viver sob o julgo do medo será o pior pesadelo que lhes poderiam ocorrer.

Em um ambiente cheio de ação, tensão e suspense o autor leva o leitor para uma história fascinante e repleta de elementos instigantes, você quer fazer parte e descobrir o que realmente está motivando tantas mortes.

"...Todos vão me pagar, vou vingar tudo que eles fizeram, tudo que aconteceu jamais será esquecido. Agora é a vez deles, gasto meu último centavo se for preciso, mas eles vão nos pagar eu juro..."

A linguagem é bastante simples e a leitura é bem fluída, e com isso, além da vontade de saber o fim, li rapidamente, porque as páginas se viravam sozinhas.

O que gostei é que apesar de ser uma obra fictícia não está muito longe da nossa realidade. O que uma simples brincadeira pode acarretar de consequências para uma vida inteira? O ódio e a vingança vale mesmo a pena? Para refletir!

Ler Mais: Blog Conduta Literária